Home / Portugal / Dois agentes da PSP impedem tragédia em Cascais

Dois agentes da PSP impedem tragédia em Cascais

Dois agentes da PSP de Cascais impediram uma tragédia ao intervirem num incêndio que tinha deflagrado no terraço de um edifício de cinco pisos, na Costa da Guia, enquanto os moradores ainda dormiam.

Aconteceu na segunda-feira, às primeiras horas da manhã e, segundo o jornal digital “Cascais24”, que noticia o incidente esta quinta-feira, os dois policias heróis são Idálio Simão, 35 anos, e Rúben Perdigoto, 28 anos. Os dois lograram não só extinguir as chamas como, também, em tempo recorde, evacuar o edifício, colocando em segurança dezenas de moradores – cerca de 12 famílias.

“Enquanto um dos policias conseguiu alcançar o terraço, pegando numa mangueira, com a qual conseguiu apagar as chamas, o outro agente, por precaução, conseguiu em menos de 5 minutos evacuar todo o prédio”, contou uma testemunha.

O alerta para o incêndio foi dado, via 112, pouco depois das seis horas da manhã, por um morador de um edifício vizinho.

Os dois agentes da 50.ª Esquadra (Cascais), em missão de patrulhamento auto, dirigiram-se para o edifício 206 da rua das Tílias, na Costa da Guia e, com a sua intervenção, lograram impedir aquilo que podia vir a tornar-se numa tragédia.

O incêndio terá deflagrado numa área de lazer, uma churrasqueira, afeta ao morador do primeiro andar esquerdo que a tinha utilizado horas antes.

O fogo provocou densas camadas de fumo negro, visíveis numa vasta área, e que, inclusivamente, levaram moradores de outros edifícios a lançarem o alerta.

pub