Home / Desporto / Herrera de gala no triunfo do México sobre a Alemanha

Herrera de gala no triunfo do México sobre a Alemanha

Capitão do F. C. Porto destacou-se no meio-campo da seleção tricolor. Layún também esteve em plano de evidência na surpreendente vitória do México. Entrada em falso dos germânicos.

A Alemanha, vencedora do Campeonato do Mundo de 2014, no Brasil, teve uma entrada periclitante na Rússia, ao perder contra o México. Hirving Lozano marcou o único golo da partida, que serviu também para promover as pazes entre adeptos e jogadores da seleção da América do Norte, depois do escândalo relativo à festa que antecedeu a presença no certame.

Héctor Herrera, do F. C. Porto, assinou uma fantástica exibição no meio-campo do México e Miguel Layún também sobressaiu pela positiva em alguns momentos do jogo. O igualmente portista Jesús Corona não saiu do banco e o benfiquista Raúl Jiménez, entretanto emprestado aos ingleses do Wolverhampton, foi suplente utilizado.

Perante 78011 espetadores, o México surpreendeu todo o mundo do futebol com um triunfo categórico sobre a favorita à conquista do título mundial. Com uma entrada de prego a fundo, a seleção tricolor encostou a Alemanha ao meio-campo defensivo e, aos 35 minutos, deu-se a primeira explosão de alegria entre o povo asteca.

Tudo começou com uma recuperação de Herrera junto à área mexicana e, terminou pouco depois, na área contrária, com Lozano a disparar certeiro. Neuer não teve qualquer hipótese de defesa, mas tentou remediar o golo sofrido, quando, no último suspiro da partida, foi à frente tentar marcar o que seria o golo do empate, num pontapé de canto favorável aos alemães.

O guarda-redes não passou das intenções e, pouco depois, o árbitro deu por concluído o encontro, provocando mais uma festa dos mexicanos que, com este triunfo, adiantam-se na liderança do grupo F. A primeira jornada deste grupo só fica concluída na segunda-feira, com o Suécia-República da Coreia, às 13 horas.

pub