Home / Vidas / Miguel Sousa Tavares: Se CR7 pagou “é porque reconheceu que era culpado e quis indemnizá-la”

Miguel Sousa Tavares: Se CR7 pagou “é porque reconheceu que era culpado e quis indemnizá-la”

“A sua honra ofendida valou 325 mil euros e deu-se por satisfeita”, disse o comentador.

A estreia de Miguel Sousa Tavares no espaço de comentário da TVI deixou várias críticas às acusações de violação que envolvem Cristiano Ronaldo. O comentador considerou que “não é um não” e que “estamos perante um crime de violação”.

Sobre o acordo assinado entre o jogador e Kathryn Mayorga, Miguel Sousa Tavares defende que se Ronaldo pagou “é porque reconheceu que era culpado e quis indemnizá-la. Factos incontestáveis”.

Mas as críticas não foram só para o jogador. O comentador criticou a jovem que agora acusa o internacional português afirmando que a americana “não quis puni-lo pelos factos, quis apenas receber uma indemnização. Deu-se por compensada. Se quisesse puni-lo seguia com a queixa e não recebia indemnização e ele era julgado. A sua honra ofendida valou 325 mil euros e deu-se por satisfeita”, disse.

“Cavalgando no movimento #MeToo, ela e o advogado resolvem que esse valor não chega e vêm em cima de Ronaldo para tocar centenas de milhares de dólares por milhões de dólares. É disso que se trata e é assim que vejo as coisas”, afirmou o comentador acrescentando que não concorda com a atitude de nenhum dos envolvidos: “Se estou de acordo com a atitude dele? Não. Se estou de acordo com a atitude dela? Também não”.

pub